Sinta a tensão de estar “Na Mira do Atirador”

Na última sexta (11), fomos convidados para assistir Na Mira do Atirador, do diretor Doug Liman (A Identidade Bourne, Sr. & Sra. Smith, Jumper…) e com Aaron Johnson e IT’S JOHN CEENAA John Cena no elenco.

A história contada no filme acontece no ano de 2007, depois de Bush declarar vitória sobre o Iraque e a guerra “acabar”. Mas, para dois soldados americanos, a guerra ainda não chegou ao fim: depois de passarem mais de vinte horas observando um campo de batalha, descobrem da pior forma que não estão sozinhos, e que estão na armadilha de um atirador profissional iraquiano. Feridos, sem provisões e com a comunicação limitada, pois o inimigo escuta tudo o que dizem em seus comunicadores, os dois devem encontrar uma maneira de descobrir onde o atirador está escondido para terem uma chance de sobreviver. Tudo o que eles têm para se defender é um muro caindo aos pedaços que os protege do atirador.

Mas não são só suas vidas que estão em risco na mira do inimigo: na hora do perigo real, eles descobrem que não há preparo suficiente para o terror que terão que enfrentar. O inimigo entra na cabeça deles, e os ataques também são psicológicos.

Se você não gosta de filmes “parados”, não vá assistir a Na Mira do Atirador. O filme tem apenas um cenário e praticamente três personagens, e toda a história acontece sem muita ação. Nesse caso, a guerra acontece no nível psicológico, e todo o suspense de não saber o que vai acontecer e como vão fazer acontecer te deixa no limite até o final – você acaba sentindo, por tabela, o desespero dos soldados, que também não sabem pelo que esperar.

Tirando todo aquele clichê que conhecemos tão bem de os Estados Unidos fazendo-se de vítima fragilizada e ferida pelo inimigo estrangeiro (sem entender que o bem que acham que fazem não é bem isso) e do fato do filme ter momentos muito previsíveis, gostei muito do que vi e do que senti. A tensão é real, e te acompanha por todo o filme! As atuações angustiantes (no bom sentido) e a apreensão das cenas entregaram exatamente o que eu esperava do filme ao assistir o trailer.

Na Mira do Atirador não é um filme de guerra, é um filme sobre a guerra e como ela destrói lugares e pessoas, tanto física quanto psicologicamente.  Fazendo jus ao “menos é mais”, cumpre sua proposta com poucos elementos, bem trabalhados. O filme estreia nos cinemas do Brasil dia 22 de junho. Pra quem adora segurar a cadeira do cinema de tensão, é uma boa pedida. ;)

Entre para o nosso grupo no Telegram
Participe de sorteios EXCLUSIVOS colocando seu e-mail abaixo:

Nerd: Evelyn Trippo

I just have a lot of feelings, e urgência em expressá-los. Aspirante à escritora e estudante deslumbrada de Letras - Tradução. Pára-raio de nerds, exploradora de prateleiras em sebos e uma orgulhosa crazy pet lady.

Share This Post On