Top 10 – Os Melhores Jogos do Super Nintendo – parte 1 (do 10 ao 6)

 

SUPERNESS_posttop

 

Olá queridos amigos, volto este mês com a difícil missão de escolher os 10 melhores jogos do videogame com – talvez – a melhor biblioteca de todos os tempos, o saudoso Super Nintendo (Super Famicom no Japão). Este pequeno monstro teve sua vida útil de 1990 a 2003 (quando foi descontinuado pela Nintendo), mas 1996 foi seu último ano com jogos realmente relevantes. Nestes seis anos de supremacia o Super NES teve uma biblioteca monstruosa com grandes títulos em todos os gêneros, mas com uma boa dominância dos jogos de plataforma e dos JRPGs, esta lista vai refletir esta dominância, com apenas uma exceção. Para esta lista existe uma única regra, eu preciso ter jogado o jogo para colocá-lo aqui, o que limita um pouco os possíveis título, mas não muito, já que essa foi a geração de jogos que mais joguei até hoje. Bom, vamos lá!

 

10 - Teenage Mutant Ninja Turtles: Turtles in Time

 

Turtles_in_Time_(SNES_cover)

 

Ano de Lançamento: 1992

Desenvolvido por: Konami

Publicado por: Konami

Gênero: Beat’em up

 

Logo de cara temos a única exceção que falei lá em cima e que baita exceção! TMNT IV: Turtles in time é O MELHOR BEAT’EM UP DE TODOS OS TEMPOS. Claro, outras pessoas podem escolher Final Fight (o do arcade) ou Streets of Rage 2, são duas opções honestas, mas acho que o joguinho das tartarugas ainda é o melhor de todos, os controles são perfeitos, existe uma alta gama de inimigos, os chefões são fantásticos, os personagens são carismáticos, algumas mecânicas são inovadoras, em suma, é um jogaço! Este maravilhoso gênero caiu em desuso a partir da Quinta geração de consoles, mas voltou um pouco com a explosão dos jogos indies nos últimos anos, Turtles in Time é a bíblia do gênero.

 

 

09 - Super Mario World 2: Yoshi’s Island

 

Yoshi's_Island_(Super_Mario_World_2)_box_art

 

Ano de Lançamento: 1995

Desenvolvido por: Nintendo EAD

Publicado por: Nintendo

Gênero: Plataforma

 

Falemos agora do jogo mais bonito do Super Nintendo (sério candidato a jogo mais bonito de todos os tempos). Yoshi’s Island é uma prequel do quarto jogo do encanador bigodudo, contando uma história de quando Mario era bebê e com Yoshi (na verdade vários Yoshis) como protagonista. O jogo é um colírio, os cenários desenhados como pinturas de criança feitos com giz de cera são das coisas mais lindas que você verá jogando um videogame. O controle atinge um nível absurdo de perfeição, as fases não são tão lineares quanto na série Mario principal e as Boss Battles são incríveis, super criativas. Um dos melhores exemplares de jogos de plataforma.

 

 

08 - Super Mario RPG

 

SuperMarioRPGSNESCoverArtUS

 

Ano de Lançamento: 1996

Desenvolvido por: Square

Publicado por: Nintendo

Gênero: JRPG

 

Olha o Mario aqui de novo! Neste caso temos o jogo mais diferente de toda a franquia e um dos poucos não desenvolvidos pela Nintendo. Aqui temos um clássico JRPG com tudo que vem incluso em um, batalhas por turno, grinding e foco pesado no storytelling. E a  Square conseguiu, aqui temos um jogo do Mario com uma história complexa e UMA PUTA HISTÓRIA por sinal. As batalhas por turno são bem mais dinâmicas que o normal do gênero e temos um acréscimo de um sistema de apertar o botão no tempo certo pra aumentar a potência dos golpes, o que torna o jogo menos enfadonho pros não iniciados no gênero, aliás, acredito que este jogo seja uma das melhores portas de entrada pros JRPGs. Os gráficos são um pouco estranhos porque as personagens são construídas com aparência poligonal, mas não é exatamente feio, só destoa do normal da série.

 

 

07 - Megaman X

 

Mega_Man_X_Coverart

 

Ano de Lançamento: 1993

Desenvolvido por: Capcom

Publicado por: Capcom

Gênero: Plataforma

 

A série Megaman começou no querido Nintendinho e deu uma bela evoluída no Super Nintendo, com a criação da série X (evoluir em mecânicas, que fique claro, Megaman 2 ainda é o melhor jogo da série, na minha opinião). Aqui temos uma nova história passada no futuro da série, um novo vilão, Sigma (bem mais ameaçador do que o coitado do Dr Wily) e mais variedades de poderes e mecânicas. A trilha sonora continua absurda, assim como character design, a dificuldade está bem mais controlada o que torna a experiência bem menos frustrante do que era na série clássica.

 

 

 

06 - Super Mario World

 

Super_Mario_World_Coverart

 

Ano de Lançamento: 1990

Desenvolvido por: Nintendo EAD

Publicado por: Nintendo

Gênero: Plataforma

 

Pra fechar a lista de hoje, um dos melhores jogos de plataforma de todos os tempos! Super Mario World é a quarta entrada da maior franquia de jogos de todos os tempos (e a favorita de Shigeru Miyamoto). Na minha opinião é o segundo melhor dos Marios 2D (atrás do 3 do NES). Não houveram muitas mudanças de jogabilidade em relação ao jogo anterior (ela continua o mais perfeito possível, como de costume na série), mas o level design absurdo, as possibilidades de andar mais livremente no mapa e as fases secretas fazem tudo valer a pena. Um jogo tão bom quanto este não chegar ao top 5 mostra o nível deste console. Semana que vem terminamos esta contagem. Até.

 

Concorra a SORTEIOS SEMANAIS de JOGOS, LIVROS E HQs se inscrevendo na nossa Lista VIP!

Nerd: Arthur Malaspina

Arthur Malaspina é professor de português, nerd irrecuperável e humorista ocasional. Também não consegue se manter longe de discussões, seja na vida real, seja na internet. Tem opinião formada sobre praticamente tudo no mundo... mas não se preocupem, fica mais legal com o tempo. Co-proprietário do blog Han Atirou Primeiro (hanatirouprimeiro.blogspot.com.br). Twitter: @arthurskywalker

Share This Post On